Águeda: CDS-PP defende que executivo tem condições para reclamar acessibilidades

António Martins

António Martins, em representação do CDS-PP, optou por endereçar várias perguntas ao presidente da câmara de Águeda na sessão da assembleia municipal sobre o estado do concelho, questionando Gil nadais, entre outros assuntos, sobre a rede escolar e sobre se a autarquia tem previsto algum reforço para as instituições à beira da rutura financeira.

O deputado popular pediu ainda esclarecimentos sobre a política florestal do município e o que pensa fazer na sequência dos incumprimentos da AdRA. António Martins defendeu depois que o executivo tem condições para junto do Governo e de António Costa reclamar a velha aspiração dos aguedenses das ligações à Aveiro e à autoestrada. O deputado considerou ainda que a governação socialista esteve “razoavelmente bem” no que à gestão financeira da câmara diz respeito e perguntou, por fim, se era intenção do presidente da câmara deixar uma reserva financeira para o próximo executivo ou não, tendo em conta que ainda tem um ano de mandato.
Em resposta Gil Nadais, disse que ainda não desistiu da ligação à autoestrada, mas que “não está fácil” e que é sua intenção deixar a autarquia numa situação financeira tranquila para alavancar projetos.

(reportagem na edição de 9 de novembro)
Autores

Notícias Relacionadas

*

Top