Alberto Marques questiona benefícios das viagens do presidente da Câmara ao estrangeiro

As deslocações que o presidente da Câmara Municipal de Águeda, Gil Nadais, tem efectuado ao estrangeiro é assunto abordado por Alberto Marques, membro do PSD na Assembleia Municipal, em artigo de opinião na edição desta semana do Região de Águeda.

Alberto Marques identifica viagens a “Rio Grande do Sul (Brasil), Tampere (Finlândia), Munique (Alemanha), Mérida (Espanha), La Sagra (Espanha), Malmö (Suécia), Estocolmo (Suécia), Friburgo (Alemanha), Bordéus (França), Gateshead (Inglaterra), Glasglow (Escócia), Holanda, Bissau (Guiné-Bissau), Ponferrada (Espanha), Valença (Espanha), Sint-Gillis-Waas (Bélgica), Londres (Inglaterra), Riva del Garda (Itália), Bruxelas – várias visitas – (Bélgica), Jilin (China), Gansú (China), Newark – mais do que uma vez – (Estados Unidos da América), Newcastle (Inglaterra), Barcelona (Espanha), Cracóvia (Polónia)…”

O articulista refere: “Não pretendo com este resumo pôr em causa a validade e relevância das viagens, e reconheço que nenhum município ganharia coisa nenhuma fechando-se ao Mundo ou limitando-se a olhar para o próprio umbigo”. Porém, “entendo que seria muito bom que soubéssemos, de forma clara e precisa, quais os custos e os benefícios das mesmas”. Questiona depois: “Será assim tão difícil – ou incómodo – apresentar um simples relatório de viagem, mencionando os respectivos âmbito, custo, objectivos, potencial interesse para Águeda e, posteriormente, um balanço dos benefícios efectivos decorrentes da viagem?”

(TEXTO DE OPINIÃO NAS VERSÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Autores

Notícias Relacionadas

1 comentário;

  1. Alberto Ramos said:

    Naturalmente temos de pensar que são viagens de trabalho que trarão beneficios para a região de Agueda.Concordo também que deveria ser feito o tal relatório de viagem,beneficios/custos para os municipes saberem onde anda o dinheiro dos impostos.Só não percebo que estes artigos de opinião sejam tão lestos a sair em detrimento de outras noticias bem mais agradáveis.Por ex: que me recorde não li nenhum artigo de opinião de ninguém,diga-se oposição,ás contas da Camara Municipal do ano 2012 ?!!! Mas isso é tabu claro,pois este ano á eleições,não há ??

*

Top