Assequins: Matagal paredes meias com habitações

As silvas começam a invadir as casas ao lado

Moradores da Rua do Pisco, na Catraia de Assequins, dizem já ter denunciado o caso às autoridades e não percebem porque é que ainda não foi limpo o matagal que ameaça as suas casas, que cresce numa propriedade privada ao lado

E se acontecer um incêndio de quem é a responsabilidade? Questiona Lina Sousa, familiar de moradores daquela rua, dando nota que, apesar das denúncias e da deslocação de técnicos da autarquia para ir lá tirar fotos, a câmara municipal “nada fez até ao momento”. “Em alguns sítios o silvado atinge quase dois metros de altura”, revela, acrescentando que os proprietários do terreno em causa “já terão sido intimados a proceder à limpeza”.
“É vergonhoso para a câmara municipal saber de uma situação destas e não fazer cumprir a lei, afinal a lei deveria ser igual para todos”, defende Lina Sousa.
Já a câmara municipal, através do seu presidente Jorge Almeida, começou por dizer que “de repente as pessoas começaram a pensar que a autarquia tinha o dever e podia limpar os silvados em todos os terrenos privados que estão em incumprimento”, sublinhando que “isso não é possível”, lembrando os termos da lei.

Autores

*

Top