Aveiro | Luz verde para campos de treinos no EMA

Estádio Municipal de Aveiro

O Tribunal de Contas visou o contrato entre a Câmara Municipal de Aveiro (CMA) e a empresa Arouconstroi – Engenharia e Construções, no valor de 2,6 milhões de euros (acrescidos de IVA), que vai permitir o arranque da elaboração do projeto e da construção do complexo de campos de futebol do Estádio Municipal de Aveiro / Mário Duarte (EMA).

Neste sentido, realizou-se esta quarta-feira, 22 de janeiro, a primeira reunião de trabalho com o projetista/empreiteiro responsável pela conceção e construção do Complexo, que contou com a presença do presidente da CMA, José Ribau Esteves, e da equipa técnica da CMA, onde ficou delineado o cronograma da execução do projeto e da obra.
“O planeamento da operação prevê assim o prazo de dois meses para a conclusão do projeto, a que se seguirão cinco meses e meio de empreitada, perspetivando-se que na fase inicial da época desportiva 2020/2021 a construção esteja pronta, permitindo a entrega à gestão do Sport Club Beira-Mar (SCBM) que procederá à instalação da sua academia de formação, no âmbito de um protocolo de gestão CMA e o SCBM”, pormenoriza nota municipal.

DEMOLIÇÃO DO ANTIGO ESTÁDIO MÁRIO DUARTE

Ao mesmo tempo estão em desenvolvimento as reuniões de trabalho entre a CMA e o empreiteiro (Extraco, Construccions e Proxectos, S.A.) que vai proceder à demolição do antigo Estádio Mário Duarte. A autarquia perspetiva a sua execução logo após o final da época desportiva 2019/2020.
“Esta intervenção vai dar um contributo fundamental para a ampliação do Hospital Infante D. Pedro no quadro do Centro Hospitalar do Baixo Vouga (CHBV), com a construção do edifício que vai albergar a consulta externa e o centro académico clínico”, refere a CMA.

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top