BTT: Avenida pequena para multidão de betetistas

A Av. Dr. Eugénio Ribeiro quase que não era suficiente para albergar os quase 1700 BTT’istas que disseram sim ao desafio lançado pelo Clube BTT Vale do Vouga em parceria com a Câmara Municipal de Águeda. Às 9h30 em ponto os ciclistas largaram o coração da cidade de Águeda, dando assim inicio a mais uma grande jornada de BTT. Cerca de duas horas depois, já os primeiros ciclistas começavam a chegar à meta.

Augusto Neto, atleta da SlowDown, foi o primeiro classificado da meia-maratona, seguido de muito perto por João Moreira (Bicicletas Lavarinhas). Paulo Calado (BTT Sangalhos) foi o terceiro classificado, mas já com sete minutos de atraso.

Entre as senhoras na meia maratona, nova vitória da “casa”. A aguadense Tânia Neves (Órbita Bicicletas) foi a mais forte, conseguindo um avanço superior a seis minutos em relação à segunda classificada Magdalena Balana (individual). A terceira classificada foi Sara Leal (Lama Solta).

No que respeita à prova rainha, a maratona, entre a promoção (atletas não federados), o mais rápido foi de novo um ciclista de Águeda. Bruno Almeida (SlowDown) superiorizou-se a Bruno Figueiredo (Jurasic’bikes) e a Nuno Vicente (individual), segundo e terceiros classificados respectivamente. Na promoção senhoras, a vencedora foi Célia Pereira (Migos da Bina), seguida pela brasileira Luciana Cox (Rocky Mountain Portugal).

 

RUBEN PARA

A TAÇA NACIONAL

 

Entre os participantes na Taça Nacional de Maratonas XCM, assistiu-se a mais uma vitória de atletas de Águeda, neste caso de um jovem que o RA vem acompanhando.

Rubén Almeida, a correr pelo Bicicletas Lavarinhas (antigo ciclista profissional) de Viana do Castelo, foi o brilhante vencedor, conseguindo impor-se à elite do BTT nacional e confirmando assim o seu valor. Mostrou que está na sua força máxima e pronto a enfrentar os grandes nomes do BTT. O segundo classificado foi Marco Sousa (Benebike) e o terceiro o campeão nacional, José Silva (Bicicletas Lavarinhas).

Nas senhoras, assistiu-se à vitória de Celina Carpinteiro (BTT Loulé), seguida de Carla Cabral (BTT Seia) e Mónica Santos (Maxigym). Referência ainda para o prémio atribuído à equipa mais numerosa, mais uma vez ganho pela SlowDown/Medicértima!

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top