Câmara: apoio ao Mágico contraria parecer da IGAL

Contrariando o parecer da Inspecção-Geral da Administração Local (IGAL), o executivo municipal de Águeda aprovou por maioria, com a abstenção da vereadora social-democrata, Jacinta Almeida (a única do PSD presente na altura na reunião), a proposta de atribuição de apoio à construção da sede ao Mágico – Centro de Apoio Social, Cultural e Recreativo -, com base num parecer pedido pela autarquia.

(INFORMAÇÃO COMPLETA NA EDIÇÃO IMPRESSA E EDIÇÃO E-PAPER)

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top