Câmara quer fazer estudo para decidir regresso da água e saneamento ao município

O executivo municipal aprovou, por unanimidade, uma proposta do presidente da Câmara, Gil Nadais, para que se realize um estudo para se avaliar a possibilidade da água e saneamento voltar a ser gerida pelo Município de Águeda. Esta proposta presidencial acrescenta o estudo a uma proposta inicial de Manuel Marques, vereador do PSD, que em reunião anterior solicitou o agendamento formal da saída do município de Águeda da AdRA – Águas da Região de Aveiro.

Já na reunião anterior, realizada em junho, Gil Nadais tinha pedido ao vereador do PSD que fundamentasse a proposta com um estudo mas Manuel Marques recusou liminarmente a ideia, “obrigando” os seus colegas de vereação do PSD a abster-se na votação de uma proposta que rotularam de “irresponsável”.

O que Manuel Marques defende é a revogação da decisão do executivo que deliberou a participação e concessão das águas e saneamento do município de Águeda para a empresa AdRA, devolvendo a posse e gestão dos serviços à autarquia. A proposta surge na sequência do receio do vereador de se estar a abrir caminha à privatização da água.

(MAIS INFORMAÇÃO NAS VERSÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top