CENSI reclama mais apoio da Segurança Social na comemoração dos 38 anos

p António José de Almeida, presidente do CENSI

António José Almeida, presidente da direção do Centro Social Infantil (CENSI) de Aguada de Baixo, pediu mais apoio da Segurança Social, na comemoração dos 38 anos da instituição que, na ocasião, homenageou sete colaboradoras

“Para que este caminho seja mais risonho basta que a Segurança Social apoie a totalidade das crianças que temos connosco, e não só uma parte”, disse António José Almeida, na sua intervenção, lembrando que “há muitos anos que lutamos para que essas crianças sejam integradas nos números da Segurança Social”.
“Estes 38 anos da instituição foram preenchidos de altos e baixos, como nas nossas vidas ou na vida de qualquer outra instituição ou associação, o que importa é que o somatório seja positivo, e aqui sei que é claramente positivo”, referiu ainda o dirigente, enaltecendo os “promotores desta ideia e a todos aqueles que antes de nós, lutaram e se esforçaram para que hoje mais de 120 crianças possam encontrar no CENSI, as condições para um crescimento em harmonia”.
Daniela Mendes (assembleia municipal), Mar­co Abrantes (União de Freguesias de Barrô e Aguada de Baixo) e José Brito (assembleia geral do CENSI) felicitaram a instituição e deixaram palavras de incentivo.
O jantar comemorativo, que decorreu no salão da Junta de Freguesia, foi animado pelo grupo Sofá pra 2, acompanhado por José Garcia.

 (leia mais na edição da semana – versões e-paper e impressa)
Autores

Notícias Relacionadas

*

Top