Façam o favor de entrar no comboio histórico do Vouga (c/fotos)

Comboio histórico do Vouga, viagem inaugural

Foi com carruagens cheias, animação, e emoção até, que se fez a viagem inaugural do comboio histórico do Vouga, um novo produto turístico que a CP colocou no mercado. Faz a viagem de ida e volta entre Aveiro e Macinhata do Vouga, com paragens no museu ferroviário e, no regresso, em Águeda

A viagem do comboio histórico na tarde de sábado juntou convidados, apaixonados dos comboios e entidades oficiais, como a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, e o secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme W. d’Oliveira Martins. Quis a curiosidade que o novo presidente da CP, Carlos Gomes Nogueira, natural da Moita (Macinhata do Vouga), fizesse a sua estreia logo neste encontro com a história da sua terra e da sua região, pois havia tomado posse precisamente na véspera.

Esta composição histórica evidenciou como o comboio é uma referência do património coletivo, que não se deve perder. Importante no tempo, nas vidas, na coesão, no desenvolvimento. Foi muito saudada ao longo do percurso. Houve gente que se emocionou, gente que parou viaturas, que buzinou, que fotografou, que acenou… Fotógrafos, ao longo do trajeto, captaram imagens e levantavam um dos braços. No interior das carruagens, utentes à janela correspondiam com acenos e debruçavam-se como podiam para registar o momento na sua câmara digital, saboreando pastéis de Águeda e apreciando os cantares regionais.

(REPORTAGEM NA EDIÇÃO DA SEMANA – versões e-paper e impressa)
VEJA A GALERIA DE IMAGENS
Autores

Notícias Relacionadas

*

Top