Fermentelos: Monumento à música é ambição

Músicos fermentelenses tencionam dar início a um conjunto de atividades para que seja possível a construção de um monumento à música, “arte que está há longos anos enraizada na vila”.

O maestro e professor Jonathan Costa, mentor da iniciativa e responsável pela organização de uma comissão, justifica a iniciativa pelo facto de a música ser “de há muitas gerações a arte mais representativa da cultura fermentelense”. Menciona as bandas como “instituições que têm sido, ao longo de muitos anos, as principais responsáveis pela formação de várias gerações de músicos”, que hoje exercem atividade em organizações pelo país fora, “havendo mesmo alguns que exercem a sua atividade musical no estrangeiro”. Jonathan Costa refere ainda a presença de dois grupos folclóricos em Fermentelos – o Senhora da Saúde e o Folclórico e Etnográfico.
“Julgamos faltar algo que possa perpetuar o valor que esta arte tem tido em tantas gerações de fermentelenses e a importância que continua a ter presentemente na vida de tantos músicos que abraçam diariamente tão relevante e nobre arte”, sublinha.
A ideia do monumento foi lançada e bem acolhida em reunião do executivo da Junta de Freguesia de Fermentelos, em 25 de agosto de 2014. “Pretende-se agora, reunidas melhores condições, a união de esforços no sentindo de se dar início a um conjunto de iniciativas ao longo do ano de 2017, visando a angariação de fundos para a criação de uma obra de arte”.

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top