Fundação comemora dia internacional dos museus

Fundação Dionísio Pinheiro E Alice Cardoso Pinheiro

A Fundação Dionísio Pinheiro e Alice Cardoso Pinheiro vai comemorar o dia internacional dos museus a 20 de maio, com a iniciativa “museus e história controversas: dizer o indizível em museus”

O programa inicia-se às 15 horas com inauguração das exposições temporárias no “Auditorium Clarissimi Viri” da Fundação com o palestrante Duarte Fiadeiro de Cinfantes e Leão, sob o tema “Celebração de José Rodrigues e Raquel Rocha/ Sensibilidades de Eduardo Teixeira Pinto: A importância artística da pintura, escultura e fotografia no movimento perpétuo do Ser. Apresentação das exposições como formas de enaltecimento da arte e da sua produção e o reflexo em Espaço Museológico”. Outras exposições estão previstas e ainda a participação das atrizes Ni Fernandes e Aurora Gaia.
A apresentação do livro de poesia “Luz Íntima”, da escultora Margarida Santos, por Vieira Duque (conservador do museu) e Delfim Sousa (vereador da cultura da Câmara de Vila Nova de Gaia, está prevista para as 17 horas, seguido de um concerto de piano (19h) por Bernardo Santos.
Bernardo Santos, 21 anos, natural de Coimbra, encontra-se a estudar na Universidade de Aveiro. Terminou, no ano letivo 2015/2016, a licenciatura em música nessa instituição, tendo-lhe sido atribuído o Prémio Município de Aveiro, por ter sido o aluno com melhores resultados a terminar esse curso. Atualmente, frequenta o primeiro ano do mestrado em ensino de música, nessa mesma universidade, encontrando-se com o pianista Álvaro Teixeira Lopes. Paralelamente, frequenta também um curso de pós-graduação em piano no Conservatori del Liceu, em Barcelona, sob orientação do pianista Josep Colom.

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top