GIPS: Os sacerdotes da floresta (c/fotos)

O GIPS da GNR em ação na zona serrana de Águeda

O Região de Águeda acompanhou uma patrulha do Grupo de Intervenção Proteção e Socorro (GIPS) da Guarda Nacional Republicana numa ação de sensibilização, na Felgueira (Agadão), junto de proprietários dos terrenos florestais, com vista à sua limpeza e diminuição do impacto dos incêndios nas povoações

A localidade da Felgueira, em Agadão, constitui um bom exemplo dos bons frutos desta ação levada a cabo pelo GIPS pela forma como os proprietários acataram os conselhos e procederam à limpeza dos terrenos.
Além destas ações de sensibilização – que estão a decorrer a nível nacional – no âmbito do Plano de Fiscalização Preventiva da Defesa da Floresta Contra Incêndios (DFCI), os militares procedem em simultâneo à sinalização dos terrenos alvos que a lei obriga a limpar (terrenos inseridos numa faixa de 100 metros em volta dos aglomerados populacionais e 50 metros em volta de habitações isoladas), bem como à identificação dos proprietários dos terrenos sinalizados, o que tem sido motivo de “dor de cabeça” dos militares, atendendo às características dos terrenos na região e ao elevado número de proprietários.
Neste momento, decorre a fase de sensibilização para limpeza voluntaria dos terrenos bem como a sua fiscalização, mas, caso a limpeza não seja feita, vai haver lugar ao levantamento de autos de contra-ordenação por infração ao Dec-Lei 124/2006.
(leia reportagem completa nas edições e-paper e impressa)

As instalações do GIPS em Águeda

As instalações do GIPS em Águeda e a viatura onde nos deslocámos

O Comandante Carlos Gonçalves explicou o plano ainda nas instalações do GIPS

O Comandante Carlos Gonçalves explicou o plano ainda nas instalações do GIPS

Já na Felgueira (Agadão) com Carlos Simões, um proprietário cumpridor

Já na Felgueira (Agadão) com Carlos Simões, um proprietário cumpridor

O guarda Barros e o cabo Pires a calcorrear os terrenos. Fazem vários quilómetros por dia a sensibilizar e a fiscalizar proprietários de terrenos

O guarda Barros e o cabo Pires a calcorrear os terrenos. Fazem vários quilómetros por dia a sensibilizar e a fiscalizar proprietários de terrenos

Maria de Lurdes Farias elogia a simpatia dos militares

Maria de Lurdes Farias elogia a simpatia dos militares

José Farias com o cabo Pires e o guarda Barros

José Farias com o cabo Pires e o guarda Barros

António Pereira Simões com o comandante Carlos Gonçalves

António Pereira Simões com o comandante Carlos Gonçalves

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top