“Não conhecia Águeda senão de nome” – Rui Almeida, vencedor do prémio Manuel Alegre

Rui Almeida é o autor do livro que ganhou o prémio “Manuel Alegre”. Residente em Oeiras, diz (em entrevista à edição impressa do Região de Águeda) que nunca tinha concorrido a nenhum prémio literário e que, apesar de ter estado em Águeda menos de 24 horas, levou “uma muito boa impressão de uma cidade que resiste equilibrada e elegantemente ao envelhecimento, sem deixar de preservar as suas marcas históricas”.

Sobre o significado de ter conquistado o prémio entre 130 propostas, refere que “tanto o patrono como o júri deste prémio fazem com que seja uma alegria e uma honra. Ver reconhecido o trabalho que se foi fazendo ao longo do tempo, no silêncio, é muito reconfortante”

Sobre Manuel Alegre, considera que “é um poeta com voz própria e que mantém acesa duas dimensões da nossa poesia muito importantes: a de canto e a de arma”

(entrevista na edição impressa)

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top