Não encerram escolas em Águeda. Quatro fecham em Albergaria

Das 239 escolas do primeiro ciclo do ensino básico que vão encerrar em todo o país, no início do ano lectivo 2012/2013, nenhuma pertence ao município de Águeda. A lista, divulgada esta segunda-feira, menciona o encerramento de quatro escolas de Albergaria-a-Velha: Frossos, Fial, Soutelo e Telhadela.

No município de Aveiro fecha a escola EB António Lopes dos Santos, em Bonsucesso.

Em Águeda, o Ministério da Educação apontava inicialmente para o encerramento, já este ano, das escolas de Paradela, Pedaçães e Castanheira do Vouga, para além da sala de apoio da escola da Lomba (Agadão) à EB 1 de Aguada de Cima.

(MAIS INFORMAÇÃO NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Autores

Notícias Relacionadas

3 Comentários

  1. Pingback: Quatro escolas fecham em Albergaria | PortaldeAlbergaria.com - Portal Multimédia do Concelho de Albergaria-a-Velha

  2. Maria said:

    A Escola de Telhadela tem 25 alunos, não foi sinalizada pela DREC para fechar, tem condiçoes fisicas foi proposta pela Autarquia de Albergaria – a- Velha para encerrar.
    Os Pais e a população de Telhadela estão indignados pois estas crianças não vão para nenhum centro escolar, vão para uma escola que tem 18 alunos (-21) e que tem menos condições fisícas e educativas.
    Perguntamos, até onde vai as influência políticas que prejudica a educação das nossas crianças?
    O futuro são as crianças!

  3. Ana Maria said:

    Que pena Telhadela não pertencer ao municipio de Águeda, ou outro qualquer.. Pois Telhadela não estava sinalizada pelo Ministério para encerrar este ano, visto ter mais de 21 alunos.. Mas infelizmente a autarquia decidiu sinaliza-la… Revoltante esta situação… Pois tal como em Águeda, no resto do país ve-se as autarquias a defender as escolas com menos de 21 alunos.. A autarquia de Albergaria preferiu encerrar uma escola com mais de 21 alunos, boas condições fisicas e pedagogicas…e colocá-los numa escola com más condições e sem espaço fisico para albergar tantas crianças.. simplesmente por rivalidades politicas… Só neste país para se colocar questoes politicas acima dos direitos das crianças á educação…

*

Top