Orquestra 12 de Abril homenageou Silva Pinto

Diploma Silva Pinto

A Orquestra Filarmónica 12 de Abril de Travassô prestou homenagem póstuma a Silva Pinto durante a comemoração do 93.º aniversário, que decorreu domingo na sua sede, distinguindo-o como sócio honorário. Também reconhecido foi o papel que o maestro João Neves teve na valorização da instituição e das bandas filarmónicas

Silva Pinto, falecido em 2017, foi apresentado pelo presidente da direção da 12 de Abril, Hélder Filipe, como um “entusiasta à volta da revolução que se verificou” com as bandas filarmónicas do concelho. “Para além de acompanhar a nossa atividade fez parte do percurso da 12 de Abril”, referiu, para acrescentar que foi ”responsável pelas três viagens ao Brasil, as primeiras grandes viagens que deram dimensão internacional” à orquestra de Travassô. “Um grande e bom amigo da instituição (…) sem estar presente estará para sempre nos nossos corações”.

O filho de Silva Pinto, Joca, destacou o “momento de grande emoção” com esta “segunda homenagem” da 12 de Abril ao pai. “A primeira foi no dia de despedida, contribuindo uma um adeus muito bonito”.

Na “hora de reconhecer a história”, Joca – que também foi aluno da oficina de música da orquestra – quis “deixar uma palavra para o futuro”, exortando os jovens a acreditarem em si próprios.

(notícia completa na edição da semana – versões e-paper e impressa)
Autores

Notícias Relacionadas

*

Top