Recreio de Águeda campeão nacional de corta-mato curto

Equipa de atletismo do Recreio de Águeda em seniores femininos que se sagrou campeã nacional de corta-mato curto

O Recreio de Águeda /Ferrão & Guerra fez história ao inscrever o seu nome no rol dos clubes campeões nacionais de corta-mato curto, em seniores femininos. Foi a primeira vez que o distrito de Aveiro tem um campeão nacional absoluto. Aconteceu no sábado, nas Açoteias (Albufeira, Algarve)

A ausência do Sporting, que tem dominado nos anos mais recentes e é o atual campeão europeu de cross, abriu caminho para o título inédito do Recreio de Águeda na versão mais curta do corta-mato (a versão longa discute-se no próximo mês em Monforte).
Coletivamente, o Recreio de Águeda somou 34 pontos, menos 9 que o Sporting Clube de Braga que ficou na segunda posição com 43 pontos. O GRECAS, de Vagos, vice-campeão distrital atrás do Recreio, conquistou a terceira posição coletiva com 55 pontos.
Individualmente, a vitória foi para Mariana Machado, júnior de 17 anos do Sporting de Braga, que cumpriu a prova de 4 kms em 14m26s, seguida de outra júnior, a holandesa Jasmijn Lau (participou extracompetição), que perdeu ao sprinte apenas por um segundo.
Emília Pisoeiro (Recreio de Águeda) foi a terceira classificada, com 14m39s, sagrando-se vice-campeã nacional pelo facto de a holandesa não contar para efeitos do campeonato nacional. Silvana Dias (Benfica), ao ser quarta classificada, fechou o pódio individual do nacional de corta-mato, completando a prova em 14m55s.
No top 10 ficaram ainda Carla Martinho (Recreio de Águeda) com 14m59s, Susana Cinha (Linda-a-Pastoras), Sara Carvalho (Sra Desterro), Cristiana Valente (Recreio de Águeda) com 15m14s, Ana Margarida Lopes (GRECAS) e Vera Fernandes (Bela Vista).
Para o título coletivo, pontuaram para o Recreio de Águeda Emília Pisoeiro (2ª), Carla Martinho (4ª), Cristiana Valente (7ª) e Elisabete Pereira (21ª), posições observadas sem contar com a atleta holandesa. Estiveram ainda em competição pelo Recreio de Águeda Sandra Cruz (29ª) e Catarina Rodrigues (46ª da classificação geral e 12ª sub-23).
A jovem equipa do Sp. Braga fechou a sua equipa com os 1º, 10º, 15º e 17º lugares. Pontuaram oito equipas.

GIL FERREIRA CAMPEÃO

Em seniores masculinos, o domínio foi do Benfica, com Rui Pinto a sagrar-se campeão nacional (12m35s), seguido dos colegas Hermano Ferreira e Ricardo Ribas.
Já em veteranos, destaque para o título de campeão nacional de Gil Ferreira, na categoria de veteranos M45, prova concluída por 41 atletas. O atleta do Recreio de Águeda foi inclusivamente 7º na geral de veteranos.
Hugo Ramalho ficou em 5º lugar no escalão de M35, com Celso Moreira a ser 22º. Luís Martins foi o 18º M40.

A.S.
Autores

Notícias Relacionadas

*

Top