Região de Águeda | edição 1085

Região de Águeda, edição de 27 de novembro de 2019

A edição do Região de Águeda de 27 de novembro destaca o facto de Gil Nadais, anterior presidente do município de Águeda, estar em rota de colisão com a atual câmara, presidida por Jorge Almeida, que foi seu vice-presidente durante 12 anos. O motivo foi a instalação da central de betão no parque empresarial do Casarão. A autarquia encomendou o estudo de impacto ambiental e o antigo edil e vários empresários e políticos criticaram de forma veemente as conclusões do mesmo tendo em contra a realidade no terreno.

O Região de Águeda destaca ainda a reflexão sobre a sustentabilidade das IPSS, que esteve em destaque durante os discursos no jantar dos 20 anos do Paraíso Social, em Aguada de Baixo.

A investigação do pagamento da câmara à União de Bandas de Águeda e de propinas levou os vereadores da oposição à Polícia Judiciária e já originou reação por parte da atual maioria do município de Águeda. O Região de Águeda desenvolve o assunto no interior.

A apresentação de “A Filha do Ferreiro”, que levou a emoção em três espetáculos exibidos no Centro de Artes de Águeda, e a continuidade na aposta no pai natal maior e menor do mundo, na linha do que aconteceu no ano anterior em Águeda, são também destaques na primeira página do Região de Águeda.

A edição do Região de Águeda está disponível nas versões e-paper e impressa.

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top