Região de Águeda | edição da semana – n.º 1036

Região de Águeda, edição de 5 de dezembro de 2018

A edição da semana do Região de Águeda destaca a geminação de Águeda com Rio Grande, a identicação por deputados municipais de estradas perigosas em Águeda e uma entrevista que Arménio Pinho, presidente da Associação de Futebol de Aveiro, concedeu ao jornal.

A geminação de Águeda com Rio Grande assinalou 25 anos na cidade brasileira, para onde se deslocou uma comitiva aguedense liderada pelos presidentes da câmara e da assembleia municipal, Jorge Almeida e Brito Salvador. O Região de Águeda abordou o assunto, num trabalho que sublinha a existência de uma ligação afetiva mas que tem ficado aquém a nível dos resultados práticos, designadamente comerciais, pretendidos há 25 anos.

Na sessão de sexta-feira da Assembleia Municipal, os deputados identificaram estradas perigosas em Águeda, temendo que o acidente de Borba possa acontecer no município. Este foi um dos temas tratados, que merecem duas páginas dedicadas na edição desta semana do Região de Águeda.

O início do primeiro curso de treinadores em Águeda, que acontece no estádio municipal, serviu de mote para uma extensa entrevista com o presidente da Associação de Futebol de Aveiro. Arménio Pinho fala das transformações do futebol distrital, do comportamento dos pais e da sua recandidatura em 2019, que anuncia nesta entrevista em nome da futura cidade desportiva.

A edição da semana do Região de Águeda destaca ainda na primeira página os 122 anos da Banda Castanheirense e a época natalícia em Águeda: o aumento do número de visitantes nos primeiros dias da iluminação na cidade e uma árvores de 12 metros feita de garrafas de plástico que vai ser erguida na rotunda de Recardães.

A edição semanal do Região de Águeda está disponível nas versões e-paper e impressa.

 

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top