Região de Águeda | n.º 1114

Região de Águeda, edição de 17 de junho de 2020

A edição da semana do Região de Águeda destaca a entrevista de José Brenha, ex-diretor clínico do Hospital de Águeda e atual diretor dos serviços de ortopedia e do bloco operatório do Centro Hospitalar do Baixo Vouga. “Hoje a população de Águeda sabe aquilo que perdeu com o esvaziamento do hospital”, refere o médico.

O Região de Águeda revela ainda os números que traduzem o esvaziamento do hospital de Águeda, que para José Brenha irá passar a unidade de retaguarda “dentro de três ou quatro anos”.

Destaques ainda no Região de Águeda para a atualidade em torno da covid-19, com o surgimento de casos no Paraíso Social de Aguada de Baixo e em agentes da GNR de Águeda.

Os números do desemprego estão também na capa do Região de Águeda. Am abril, os desempregados inscritos no Centro de Emprego subiram 29,6% em Águeda e 55,1% em Albergaria-a-Velha, mas o Região de Águeda revela o que sucedeu em todos os municípios do distrito de Aveiro, com a particularidade de ter subido o emprego em dois deles (Espinho e Castelo de Paiva) face ao mesmo mês do ano passado.

As contas de 2019 do Município de Águeda e o processo à volta da recolha de resíduos sólidos urbanos no concelho são ainda destaque na edição desta semana do Região de Águeda, que está disponível nas versões e-paper e impressa.

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top