Arquivos da Tag: Arrancada do Vouga

Helder Gomes Cancela

“Por muito duros que os livros sejam, o mundo é sempre mais cruel” – Helder Gomes Cancela, escritor premiado

“Por muito duros que os livros sejam, o mundo é sempre mais cruel” – Helder Gomes Cancela, escritor premiado

Natural de Arrancada do Vouga (Valongo do Vouga), o escritor Helder Gomes Cancela foi distinguido recentemente com o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores/2017, pelo seu romance “As Pessoas do Drama”. E entrevista ao RA, fala da importância do prémio, da sua obra e do novo livro que será publicado

Eco-escolas em Águeda

Cinco escolas recebem galardão Eco-Escolas

Cinco escolas do município de Águeda foram galardoadas com o Eco-escolas: EB de Águeda + Jardim de Infância, Escola Básica de Valongo do Vouga (ex. EB 2,3 + EB1 de Arrancada do Vouga), Escola Básica Fernando Caldeira, Escola EB1 de Macinhata do Vouga e Escola Secundária de Adolfo Portela.

Carla Tavares

Carla Tavares questiona ministra sobre posto da GNR de Arrancada

A deputada aguedense Carla Tavares, na audição da ministra da Administração Interna, no âmbito da discussão na especialidade do Orçamento de Estado para 2016, lembrou a “precária” situação em que se encontra o posto da GNR de Arrancada do Vouga Além do posto de Arrancada do Vouga, Carla Tavares referiu ainda os postos de Cesar

Valongo do Vouga: Aprovado concurso público do novo quartel da GNR

O concurso público para a construção do novo quartel da GNR foi aprovado na última reunião de executivo. O preço base do concurso é de 943.475,60 euros (acrescido de IVA). A decisão de construir um novo quartel surge na sequência das más condições que o atual edifício apresenta. Assim, será reabilitando um edifício, presentemente devoluto,

Edifício industrial de Arrancada do Vouga sem interessados

O edifício industrial em Arrancada do Vouga, composto por sete pavilhões, cujo preço mínimo estava fixado em 870 mil euros, não teve comprador. Este edifício, onde funcionou a António Pereira Vidal, uma das empresas têxtil de referência na freguesia de Valongo do Vouga, fazia parte dos 66 lotes de imóveis disponíveis que o Estado pretendia

Top