Arquivos da Tag: incêndios

Fotografia que se tornou num ícone deste incêndio: sinalética destruída pelo fogo

Mão criminosa, dizem os autarcas

Mão criminosa, dizem os autarcas

Parecem não restar dúvidas de que na origem do incêndio no município de Águeda esteve mão criminosa. É pelo menos essa a convicção de quem esteve e conhece bem o terreno

Região de Águeda, edição de 17 de agosto de 2016

Região de Águeda | edição da semana – n.º 920

O campeão do mundo Tiago Tavares desvenda pormenores do seu percurso na canoagem na edição da semana do Região de Águeda. Duas páginas dedicadas ao medalha de ouro dos mundiais e de prata dos europeus, em C1 200 metros, em sub23. Os incêndios que assolaram o município de Águeda e da região são tema, ouvindo

Não ao espetáculo da destruição

Qualidade do ar no vermelho (C/ vídeo)

Águeda, Anadia e Albergaria-a-Velha: os  incêndios que têm afetado esta semana a Região de Aveiro, bem como o norte do país, têm contribuído para a degradação da qualidade do ar. Informação do site “qualar.apambiente.pt” indica o nível “mau” devido à concentração de monóxido de carbono, de ozono e de partículas no ar, que têm aumentado desde

Fogo

Período crítico na floresta

A Câmara Municipal de Águeda publicou um edital informativo sobre o período crítico no âmbito do sistema de defesa da floresta contra incêndios, definindo em portaria legal, as medidas especiais de prevenção contra incêndios florestais. Assim, de 1 de julho a 30 de setembro não é permitido realizar queima de sobrantes ou queimadas; realizar fogueiras

População do Préstimo revoltada com incêndios

Só no último mês, deflagraram mais de 15 incêndios no Préstimo. População e autarcas não têm dúvidas que têm mão criminosa e pedem “intensificação da fiscalização” e “mão pesada” para os criminosos “No último mês, tivemos mais de 15 incêndios, isto não é normal”, desabafa indignado Pedro Vidal, presidente da União de Fre­guesias do Préstimo

José Manuel Alho

Albergaria vergada à mórbida convivência com as chamas? , por José Manuel Alho (*)

A praga dos incêndios voltou a Albergaria. De Vila Nova de Fusos, passando por Valmaior, até à Senhora do Socorro, o pânico e a aflição ganharam terreno deixando esta Páscoa inapelavelmente marcada pelos funestos aromas das chamas. Contudo, a falta de estratégia e de investimento para a dinamização e valorização do espaço rural faz com

A ação do GIPS decorreu em Agadão

Proprietários que não limpem terrenos alvo de multas

Os GIPS da GNR estão a fazer o levantamento da área que deverá estar limpa junto a edificações e caminhos e a identificar os respetivos proprietários para dar cumprimento à lei. A ação integra-se no sistema de defesa da floresta contra incêndios e foi apresentada à população no salão da Junta de Freguesia de Agadão.

Top