Um aguedense no The Voice

Luis Batista durante uma atuação

O aguedense Luís Batista desde pequeno que gosta de música e é ligado à música que sonha o seu futuro. Inscreveu-se no programa The Voice Portugal para dar a conhecer o seu trabalho e ver por dentro um programa de televisivo.

O seu talento levou-o longe no programa, mas no domingo chegou ao fim a sua prestação, depois de ter interpretado o tema Stand by Me, celebrizado por Ben E. King, na fase do tira-teimas, a última fase antes das galas ao vivo do The Voice Portugal. Mas Luís Batista não ficou desiludido por isso, apenas triste por ter chegado até ali e não seguir em frente. “Fiquei triste por chegar onde cheguei e depois ter de ficar por ali, mas estou naturalmente muito satisfeito por ter chegado onde cheguei”, conta Luís Batista.
“Envolveu muito trabalho, mas foi uma boa experiência”, relata o jovem músico, acrescentando que serviu para “ganhar experiência”. “É muita informação para quem não está habituado, mas valeu a pena”, sublinha, acrescentando que a participação no programa o ajudou também a ser menos tímido.
Luís Batista aposta agora na criação de uma banda com amigos que, nesta primeira fase irá enveredar pelos covers mas, mais tarde, apostar nos originais. Um projeto que vai conciliar com o seu curso de Tecnologias de Informação, na Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda (ESTGA).

Luís Ricardo Batista (fotos: The Voice)

Luís Ricardo Batista (fotos: The Voice)

Autores

Notícias Relacionadas

*

Top