Os três “pecados mortais” da regeneração urbana

Julho 2, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

“O comércio tradicional está a morrer em Águeda e em vez de se terem criado condições para o reativar fez-se o contrário: fizeram-se obras pouco eficazes para os comerciantes e afastaram-se ainda mais os cidadãos das lojas tradicionais”. A crítica, em comunicado, é do PSD de Águeda, que “visitou recentemente o comércio aguedense” para se “inteirar da realidade” e “recolher as opiniões” acerca das obras de regeneração realizadas na cidade.

Carlos Franco enumerou três situações que contribuem para as críticas dos comerciantes ouvidos e agora trazidos pelo PSD. “Ao contrário do que inicialmente prometido por si e pelo seu executivo estas obras diminuíram os espaços de estacionamento, afastando as pessoas das referidas artérias da cidade, e prejudicando gravemente o acesso às lojas dos comerciantes aguedenses; dificultaram desnecessariamente o trânsito em Águeda; e não embelezaram a cidade, muito pelo contrário”.

 (MAIS INFORMAÇÃO NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Agitágueda: PSD ameaça com queixa ao Ministério Público contra a Câmara

Julho 1, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Política

Hilário Santos, do PSD, pediu que que o revisor oficial de contas (ROC) e o departamento jurídico da câmara se pronunciem sobre a “legalidade dos procedimento adotados pela Câmara Municipal de Águeda no Agitágueda 2013, ameaçando que “caso não haja esclarecimento cabal, o PSD enviará participação para investigação às autoridades administrativas e eventualmente ao Ministério Público.

(MAIS INFORMAÇÃO NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Presidente Gil Nadais pede inspeção à Câmara Municipal de Águeda

Julho 1, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

O presidente da Câmara Municipal de Águeda, Gil Nadais, revelou na assembleia municipal que pediu uma fiscalização à autarquia pela Inspeção Geral das Finanças. A revelação foi feita na sequência dos ataques do PSD por causa das contas do Agitágueda, do negócio da Canário, Lucas e Irmão e das buscas recentes da Polícia Judiciária à autarquia que culminaram na constituição de Edson Santos como arguido.

Com esta revelação, Gil Nadais acalmou o PSD que, pela voz de Hilário Santos, afirmou ter “muitas dúvidas” em relação ao negócio de aquisição da empresa Canário, Lucas e Irmão para a criação do futuro museu da indústria de Águeda.

(MAIS INFORMAÇÃO NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

PS na Câmara “preocupa-se muito com a imagem” - acusa Miguel Oliveira (CDS-PP)

Junho 4, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

A maioria socialista da Câmara Municipal de Águeda “preocupa-se muito com a imagem e pouco com a funcionalidade e a manutenção”, referiu Miguel Oliveira, presidente da concelhia do CDS/PP e vereador municipal eleito pela coligação com o PSD. Em entrevista ao RA (edição e-paper e impressa) o dirigente político deu como exemplo as “obras de reabilitação urbana”.

Miguel Oliveira salienta, “como aspeto negativo” do PS à frente da câmara, “a cultura de fação e a tendência para o culto da personalidade”. Considera que “este PS não se coíbe de usar os meios e a imagem do município e de instrumentalizar causas nobres (que são de todos) para servir fins eleitorais próprios, como aconteceu com a <manifestação pela saúde>, talvez porque a sua influência regional e nacional seja minúscula”.

Como aspetos positivos do mandato de Gil Nadais, o presidente do CDS/PP refere “a reabilitação das zonas ribeirinhas, as iniciativas no campo social e na educação, a projeção da marca Águeda e a aposta na eficiência energética”.

(ENTREVISTA COMPLETA NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

PSD desconfia da gestão financeira do município e critica parque empresarial do Casarão

Maio 29, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

A “desconfiança crescente na gestão financeira” e nas “relações alegadamente perigosas entre empresas e a Câmara Municipal” é, para Carlos Franco, presidente da comissão política concelhia do PSD de Águeda, um dos aspetos negativos que destaca da gestão socialista, que cumpre o terceiro mandato consecutivo à frente do município.

O parque empresarial do Casarão, que “até ao momento gerou zero empresas e zero empregos” é outro dos pontos negativos que o dirigente social democrata enumera, em entrevista à edição impressa e e-paper da semana, no Região de Águeda. Fala ainda, sem especificar quais, nos “problemas graves existentes na educação que continuam por resolver” e nos “imensos problemas de acessibilidades que persistem”, além dos “problemas resultantes da má prestação de serviços pela AdRA, como por exemplo a não realização de obras previstas”.

Carlos Franco, que substituiu a deputada e vereadora Paula Cardoso na presidência do PSD/Águeda, considera como principais aspetos positivos a criação dos trilhos pedestres, a criação do centro municipal de marcha e corrida, a promoção de workshops sobre ambiente, o apoio a instituições culturais e recreativas, e a aposta futura num novo website. Não deixa, porém, de acrescentar um “apesar de” em todos eles.

(ENTREVISTA NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Eleições europeias: Aliança PSD/CDS-PP mais votada em Águeda

Maio 25, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

A Aliança Portugal, formada pelo PSD e CDS/PP, foi a lista candidata ao Parlamento Europeu mais votada no município de Águeda, com 36,63 por cento dos votos (4.929). O PS ficou-se pelos 30,10 por cento dos votos (4.050).

O MPT, liderado por Marinho Pinto, foi a terceira candidatura mais votada, com 7,35 por cento dos votos (989), à frente da CDU (6,48%, 872 votos) e do BE (3,46%, 466 votos).

939 eleitores votaram em branco (6,98%) e 363 votos foram considerados nulos.

Dos 43.826 eleitores inscritos, votaram apenas 13.457. A abstenção situou-se nos 69,29%

Avença da Câmara à empresa de João Aidos: Gil Nadais esclarece notícia do RA sobre intervenção de Hilário Santos na AM

Maio 21, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

Em carta dirigida ao presidente da Assembleia Municipal, o presidente da câmara, Gil Nadais, responde ao social-democrata Hilário Santos que, na última sessão daquele órgão, questionou os valores pagos pela autarquia à empresa J. Aidos - Consultoria e Gestão de Projetos, de João Aidos, ex-diretor Geral das Artes.

Como o RA noticiou, Hilário Santos falava do atraso na construção do equipamento, adjudicado há quatro anos, para lembrar que a empresa em causa, “em dois anos cobrou ao município 80 mil euros em avenças”.

(MAIS INFORMAÇÃO NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

PSD pede intervenção urgente nas obras de regeneração urbana

Maio 7, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

O PSD Águeda enviou uma carta aberta ao presidente da Câmara Municipal de Águeda, Gil Nadais, onde solicita uma intervenção urgente nas obras recentes de regeneração urbana da cidade de Águeda, dizendo que “apresentam problemas graves”.

“Surgem-nos muitas dúvidas no que diz respeito às suas opções na planificação, na escolha dos materiais, no acompanhamento e na implementação destas obras”, refere Carlos Franco, presidente do PSD, pedindo “a responsabilização dos seus autores principais”.

Manifestação pelo Hospital de Águeda criticada na Assembleia Municipal

Maio 6, 2014 por admin  
Filed under Actualidade, Municipios, Política, Águeda

Vários deputados não perderam a oportunidade, na última sessão da Assembleia Municipal, para publicamente se queixarem do facto de não terem tido a possibilidade de intervir na manifestação promovida pela Câmara Municipal em defesa do Hospital de Águeda.

Foi o caso de Paulo Pereira (CDS-PP) que acusou a autarquia de “não ter tido vontade de preparar uma contestação séria”. Também Abrunhosa Simões (CDU) se queixou do mesmo, considerando que “deveria ter havido uma maior mobilização”, não deixando de considerar a manifestação uma iniciativa “político partidária”, criticando, assim, a forma como foi organizada.

Já Hilário Santos (PSD) disse não ver com bons olhos o facto de ser a câmara municipal a organizar a manifestação.

O presidente da câmara, Gil Nadais desafiou os deputados dos PSD e CDS-PP a conseguirem uma reunião com o Ministro da Saúde por causa do Hospital de Águeda, na sequência das críticas dos deputados. “O conselho de administração do Centro Hospitalar do Baixo Vouga faz o que quer e ainda lhe sobra tempo…”, exclamou Nadais. 

 (MAIS INFORMAÇAO NAS EDIÇÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Assembleia Municipal de Águeda: Historiadora causa incómodo nas comemorações do 25 de Abril

Abril 28, 2014 por admin  
Filed under Destaques, Municipios, Águeda

As comemorações dos 40 anos do 25 de Abril em Águeda ficaram marcadas pelo incómodo gerado nos partidos da oposição pela intervenção, marcadamente política, da oradora convidada para falar do 25 de Abril, Manuela Cruzeiro, investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra.

Os deputados do PSD e do CDS-PP chegaram mesmo a ausentar-se da sala, por alguns momentos, em jeito de protesto, enquanto Manuela Cruzeiro fazia a sua dura intervenção de crítica às políticas do Governo e ao PSD e CDS-PP. A investigadora começou por classificar de “estranha” a forma como o país assinala os 40 anos do 25 de Abril e a ausência dos capitães de Abril nas cerimónias oficiais.

(MAIS INFORMAÇÃO NAS VERSÕES E-PAPER E IMPRESSA)

Página Seguinte »